Chinese businesswoman in a warehouse with worker using a laptop

Na cadeia de produção de produtos estão presentes várias fases até estes chegarem na forma de produto final à mão do consumidor, iniciando com a extração das matérias-primas, depois com a fabricação de produtos intermediários, que são transferidos entre diversas empresas. Para que todo esse processo de produção seja possível, muitas atividades são necessárias, dentre as quais o armazenamento de materiais nas instalações das empresas, a movimentação desses materiais dentro dessas instalações, e o transporte desses materiais entre as instalações das diferentes empresas da cadeia de produção.

A esse composto de atividades chamamos de logística. Mas, além dessas atividades há outras, como o gerenciamento do atendimento dos pedidos de compra dos clientes. O atendimento de pedidos de compras é responsável por separar os produtos que estão armazenados, montar os pedidos dos clientes, enviar esses pedidos para os clientes, acompanhar a situação do transporte desses produtos até a chegada ao destino.

O Técnico em Logística está apto a trabalhar em diversas organizações, em qualquer atividade social ou econômica, de qualquer porte ou localização, desde que necessitem de ações de logística, seja de suprimentos, produção, distribuição ou reversa. Diante das necessidades organizacionais, é possível a atuação do Técnico em Logística na Armazenagem, Suprimentos, Expedição e apoio a outras ações da logística de distribuição, de caráter reverso e estratégico nas organizações.

O Técnico em Logística poderá, ainda, exercer funções de média gerência, supervisionando as atividades de Logística das micro e pequenas empresas e, galgando outros níveis educacionais e de formação ou exercer funções mais complexas, de alta direção ou de pesquisa e inovação.

ITEP oferece mais este curso para que você alcance posição de destaque no mercado de trabalho.

Saiba mais sobre este curso acessando:  Curso Técnico em Logística